fbpx
  • Menu
  • Menu

Saiba como calcular e quanto cobrar no aluguel de imóveis em Fortaleza!

Você está disposto a se tornar um anfitrião, mas está com dúvidas sobre quanto cobrar no aluguel de imóveis em Fortaleza? Não se preocupe, essa é uma dúvida bem comum para quem começa no mercado de locação por temporada. Vamos ajudar você contando alguns segredos que as imobiliárias e plataformas usam para precificar.

Avalie seu imóvel antes de colocá-lo para alugar

Para entender quanto cobrar pelo aluguel de temporada de seu imóvel em Fortaleza, faça uma avaliação prévia do bem. Assim, você já fica por dentro de detalhes que precisam ser considerados antes de negociar com clientes, como reformas e adaptações. Outros aspectos que impactam a avaliação da sua residência são:

  • idade do imóvel;
  • infraestrutura oferecida;
  • área útil da residência;
  • qualidade do mobiliário.

Uma característica do aluguel por temporada é que a cobrança também se dá pela mobília inclusa na residência. Assim, é interessante que os móveis sejam, pelo menos, todos restaurados e estejam em bom estado para uso. Se forem novos, é um valor extra que pode ser cobrado na diária.

Pesquise o valor do mercado de Fortaleza

Antes de decidir o quanto cobrar de aluguel por seu imóvel, é importante avaliar o mercado da região onde fica o bem. Quanto mais próximo das praias da cidade e bairros nobres, no caso da Aldeota, mais caro é o preço da diária. Pontos importantes, como a Unifor — Universidade de Fortaleza — e o centro de eventos, também influenciam.

Além disso, outros aspectos que contam são:

  • segurança e infraestrutura do bairro;
  • facilidade de acesso com transporte público e particular;
  • proximidade ao aeroporto e à rodoviária.

Considere baixa e alta temporada para alugar

A baixa temporada é quando há menos procura de turistas para a região, seja por qual for o motivo. Podemos citar as regiões universitárias como baixa de temporada nas férias escolares. Nas regiões de praia, ocorre justamente o oposto, sendo as férias e o verão a alta temporada.

Ao considerar esses aspectos, você pode manter um equilíbrio melhor da cobrança de diárias e não contrair dívidas. Assim, é possível que você alugue menos seu imóvel na baixa temporada. Então, para atrair os clientes, é bom diminuir o preço. Já a alta temporada valoriza sua residência, podendo compensar o aluguel mais barato dos outros meses.

Pense em todos os custos para alugar seu imóvel

Ao decidir colocar seu imóvel para alugar por temporada em Fortaleza, você começará um negócio, digamos assim. Esse bem gerará lucros ao longo do tempo em que estiver locado. Então, é muito importante que o valor da sua diária ou mensalidade da temporada cubra alguns custos, como:

  • fixos — IPTU, taxa do condomínio, água, luz, internet, TV a cabo, anúncio do imóvel e outros custos cobrados mesmo sem hóspedes;
  • variáveis — taxa de limpeza e manutenção/reforma do imóvel.

Por fim, nossa última dica para ajudar você sobre o quanto cobrar de aluguel do imóvel em Fortaleza é considerar o tempo de contratação. O aluguel por temporada é aquele feito para estadia de até 90 dias, por isso algumas pessoas preferem o valor do mês cheio, como chamamos.

Você pode somar a cobrança da diária desses 30 dias e cobrar o custo total. Porém, para conquistar seu cliente, é interessante dar um desconto, afinal, ele garantirá diárias para você pelo mês todinho.

O que achou das dicas? Aproveite para nos seguir nas redes sociais, contamos segredos do aluguel por lá também. Visite-nos no Facebook e no Instagram!

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *